home notícias

Administração Municipal promove Semana do Peixe para fomentar cadeia da pesca no município

Tijucas é um município à beira-mar, cortado pelo Rio Tijucas, maior rio da Bacia hidrográfica que leva o seu nome. A formação inicial da cidade, inclusive, aconteceu às margens do Rio Tijucas e até hoje o município tem comunidades com forte presença de pescadores tradicionais.

Nos últimos anos, porém, estes pescadores não vinham recebendo respaldo do poder público. Este processo fica evidente, por exemplo, na precarização da estrutura da Colônia de Pescadores de Tijucas Z 25. Esta é a realidade que a Administração Municipal está trabalhando para mudar, realizando uma série de ações para retomar as atividades da colônia, estreitar as relações com a comunidade pesqueira e fortalecer a cadeia produtiva do pescado no município. Atualmente já estão sendo feitos esforços para regulamentação administrativa da colônia (alvarás, licenças, nova diretoria, reuniões, assembleias), atendimento ao pescador para emissão de licenças de pesca, documentação das embarcações e orientações legais administrativas.

Para fortalecer ainda mais este segmento, a Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca e Meio Ambiente de Tijucas, em parceria com a Colônia de Pescadores e EPAGRI, promove, entre os dias 15 e 20 de outubro, a Semana do Peixe, com uma série de atividades para fomentar a cadeia produtiva do pescado em Tijucas. A Secretaria vai trabalhar a divulgação da importância do consumo de pescado para a saúde e para a economia em veículos de comunicação da cidade, reforçando os benefícios de inserir o pescado na alimentação. A abertura oficial da semana acntece na segunda-feira (15), às 9h, na Colônia de Pescadores de Tijucas Z-25.

Durante a semana, restaurantes da cidade vão incluir pratos à base de pescado em seus cardápios. Na sexta-feira (19), acontece a Feira do Peixe Vivo, junto da feira de hortaliças e verduras que acontece toda sexta-feira, no Centro da cidade. Na oportunidade haverá comércio de tilápia e pacu vivos a preços acessíveis.

Alunos de escolas do município vão participar de ações educativas, conhecendo a colônia de pescadores, recebendo conhecimentos sobre a pesca, sobre os equipamentos utilizados na pescaria e questões histórico-culturais relacionadas à atividade. Os estudantes também vão assistir aos documentários “Canoa bordada de garapuvu, a canoa de um pau só” e "Informar: tubarões e raias - pesca na baía de Tijucas", produzidos pelo Comitê Tijucas Biguaçu.

A intenção da Secretaria é realizar a primeira edição da Semana do Peixe no município, que deve se repetir regularmente. “Este é apenas um primeiro passo para a construção do reconhecimento e da valorização da atividade pesqueira enquanto atividade familiar e artesanal, com potencial econômico relevante”, afirma o Secretário de Agricultura, Pesca e Meio Ambiente, José Leal Silva Junior.

“As ações a serem desenvolvidas visam fortalecer a constituição de redes cooperação, comercialização e valorização do mercado local. Além disso, pretendem incentivar a participação efetiva da Colônia nas discussões voltadas à economia do Rio e do Mar na região”, comenta o Prefeito de Tijucas, Eloi Mariano Rocha.

Confira a programação completa:

- 15/10 (segunda-feira), 9h: Abertura oficial da Semana do Peixe; 
Local: Colônia de Pescadores de Tijucas Z 25.

- 16/10 (terça-feira): Ação com alunos da E.E.B. Deputado Valério Gomes - apresentação do vídeo documentário "Canoa de Garapuvu: a embarcação de um pau só"; e aula prática sobre a pesca na região: conhecendo os petrechos de pesca (molinete, rede e tarrafa). Saída de campo até o Rio Tijucas para pôr em prática a pesca e conhecer a ictiofauna ou biodiversidade de peixes da região - quais são as espécies de peixes que ainda povoam nosso rio.

- 17/10 (quarta-feira): Ação com alunos da E.E.F. Deputado Walter Vicente Gomes Gomes - apresentação do vídeo documentário "Informar: tubarões e raias – pesca na baía de Tijucas"; e aula sobre a história da pesca na região (passado e presente) no Galpão da Colônia de Pescadores Z 25, com participação do museólogo Thiago Lessa.

19/10 (sexta-feira): Feira do Peixe Vivo - comércio de Tilápia e Pacu vivos a preços acessíveis. 
Local: feira de verduras e hortaliças que acontece toda sexta-feira, ao lado da Concha Acústica Nagip Elias Abdala.

 

 

Fonte:PMT

OUTRAS NOTÍCIAS

22/10/2018
Polícia Federal abriu 469 inquéritos para investigar crimes eleitorais
A Polícia Federal (PF) abriu 469 inquéritos para investigar crimes eleitorais no primeiro turno da campanha deste ano, A informação é do ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann. Além disso, 455 pessoas foram conduzidas para depoimentos e outros 266 apreendidos. De acordo com o ministro, os principais crimes registrados foram propaganda eleitoral irregular, promoção de informações falsas e compra de votos. “Aqueles que têm interesse de produzir notícias falsas fiquem sabendo que não existe anonimato na internet e a Polícia Federal tem tecnologia e recursos humanos para chegar neles aqui ou em qualquer lugar do mundo”, alertou. Jungmann participou nesse domingo (21) da entrevista à imprensa, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), convocada pela presidente do tribunal, ministra Rosa Weber. Na ocasião, perguntada se a Justiça Eleitoral falhou no combate às notícias falsas (fake news) durante a campanha, a ministra respondeu que não viu falhas na ação do tribunal, mas reconheceu que não esperava que a onda de desinformação se voltasse contra a própria instituição e que ainda não há uma solução para impedir o problema. “Nós entendemos que não houve falha alguma da Justiça Eleitoral no que tange a isso que se chama fake news. A desinformação é um fenômeno mundial que se faz presente nas mais diferentes sociedades. Gostaríamos de ter uma solução pronta e eficaz, de fato, não temos”, disse a ministra. Rosa Weber não quis comentar sobre a ação ingressada pelo PT para investigar a denúncia de que empresas teriam atuado na disseminação em massa nas redes sociais de notícias falsas contra o candidato Fernando Haddad (PT) em favor do candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL). De acordo com Jungmann, o caso está sendo investigado e não é possível dar detalhes sobre o processo, pois o inquérito corre sob sigilo. O ministro informou que o centro integrado de controle para as eleições retomará os trabalhos nesta segunda-feira (22), a partir das 15 horas, e que os representantes dos dois candidatos à Presidência foram convidados a acompanhar a atuação do centro, que funcionará 24 horas por dia até o fim do segundo turno, no próximo dia 28 de outubro.   Fonte:Agência Brasil
SABER MAIS
22/10/2018
Para presidente da CBL, falta de leitura favorece notícias falsas
Na noite do próximo dia 8 de novembro, no Auditório do Ibirapuera, em São Paulo, será realizada a 60ª edição do Prêmio Jabuti - considerado o principal reconhecimento e a mais tradicional honraria aos livros e aos escritores no Brasil. A realização de um evento literário por seis décadas no país é um marco. De acordo com a pesquisa Retrato da Leitura, 44% da população brasileira não lê e 30% nunca comprou um livro. O Banco Mundial estima, com base no Programa Internacional de Avaliação de Alunos (Pisa), que os estudantes brasileiros podem demorar mais de dois séculos e meio para ter a mesma proficiência em leitura dos alunos dos países ricos. Segundo a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), o mercado editorial encolheu 21% entre 2006 e 2017. O primeiro Prêmio Jabuti, entregue em 1959, foi concedido para a obra “Gabriela Cravo e Canela”, do escritor Jorge Amado que, anos antes, na ditadura do Estado Novo (1937-1945), teve seus livros queimados em praça pública. A obra do escritor baiano foi o primeiro livro lido pelo menino Luís Antonio Torelli (foto), hoje editor e presidente da Câmara Brasileira do Livro (CBL), entidade responsável pelo Prêmio Jabuti. Em entrevistan, Torelli falou sobre a premiação, a importância da leitura para a sociedade e sugeriu a ampliação de iniciativas que tenham como foco as bibliotecas. “Num país com poucas livrarias e com pouco acesso ao livro, fica quase impossível ter um programa de formação de leitores se as pessoas não têm onde buscar o livro. As bibliotecas cumprem essa lacuna. Não é só construir. Precisa de um acervo que convide e que seja atraente”, afirmou. O especialista destacou ainda a importância da leitura e do conhecimento para o combate à disseminação de notícias falsas (fake news). “As pessoas formam opinião sem checar o que recebem, a origem dos dados ou quem é que está publicando. Quando você tem um pouco de conteúdo, proporcionado pela leitura, vê que aquilo não tem nenhum fundamento.”   Fonte:Agência Brasil
SABER MAIS
22/10/2018
ENEM 2018 - Aplicação de provas terá quatro horários diferentes
O Ministério da Educação (MEC) alerta os estudantes inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2018 que, a partir do primeiro dia da aplicação das provas, 4 de novembro, o país terá quatro fusos horários diferentes. Devido ao horário de verão, que entrará em vigor no mesmo dia da prova, os portões dos locais de realização do exame serão abertos e fechados em horários diferentes nos Estados. O relógio deverá ser adiantado em uma hora à meia-noite de sábado (3) para domingo (4) pelos estudantes do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal. Neste grupo de Estados, com exceção de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, a abertura dos portões dos locais das provas será às 12h e o fechamento às 13h. Para estudantes do Amapá, Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe, os portões serão abertos às 11h e o fechamento às 12h, seguindo o horário local. Nos Estados do Amazonas, Rondônia e Roraima, os participantes poderão ingressar os locais de prova entre 10h e 11h, de acordo com o horário local. E no Acre, que tem fuso horário de três horas a menos em relação a Brasília, os portões serão abertos às 9h e fechados às 10h, também seguindo horário local. Os cartões de confirmação da inscrição estarão disponíveis para consulta a partir da próxima segunda-feira (22), na página do participante. No cartão, são informados os dados dos estudantes, local de prova, data e horários de aplicação da prova. A segunda etapa das provas será aplicada em 11 de novembro.     Fonte:AB
SABER MAIS

Peça sua Música

Por favor preencha todos os campos

Contato enviado com sucesso

Top