home notícias

Homem é abordado e preso com arma na SC-410 em Canelinha

Por volta das 14h, deste sábado, 11 de janeiro, Um homem foi preso na SC-410, em Canelinha.
A equipe do Tático Ostensivo Rodoviário (TOR), fazia patrulhamento na rodovia e percebeu o veículo em atividade suspeita.

Foi feita abordagem e em buscas foi localizado com o condutor um revólver calibre 32 oxidado. Ele também estava com seis munições intactas, além de outras quinze munições no porta-luvas do automóvel.

O armamento estava com a numeração suprimida. O homem foi preso e encaminhado a delegacia para os procedimentos.

 

 

 

 

Fonte GM

OUTRAS NOTÍCIAS

07/08/2020
2ª Etapa da nova Estação de Tratamento de Água de Canelinha será finalizada nesta sexta-feira, 07 de agosto
 Uma obra que muda de verdade a cidade! É pensando assim que a Prefeitura de Canelinha, através do Serviço Municipal de Água, Infraestrutura e Saneamento (Semais), finaliza nesta sexta-feira (07), a 2ª Etapa da nova Estação de Tratamento de Água (ETA). A obra, no valor de R$ 364.974,42, contempla mais três filtros para o tratamento da água e um reservatório de lavagem de 84.000 litros, que será utilizado exclusivamente para a manutenção e limpeza dos seis filtros (três filtros foram construídos na 1ª etapa). Visando o crescimento do município, a obra tem a finalidade de produzir maior quantidade de água tratada, garantindo a população a distribuição de água por mais três décadas. Em 2020, mesmo em meio a pandemia do coronavírus, o Semais já realizou dezenas de obras nos bairros e localidades como Areão, Cobre, Moura, Cuba, Urussanga, ressaltando a instalação do booster próximo à Rua Vicente Benevenute, no bairro Galera, onde foram concluídas as obras de rede de distribuição de água em mais de dez ruas, beneficiando moradores de ruas como a Pedro Martins (Tifa dos Pereira), morro da Rua Valcir Freitas, Luiz Albino de Simas (rua do Pelé), e Rua Olavo Machado (após a ponte) até a Borracharia Paraíba. Foram mais de 10.000 metros de extensão de redes de distribuição. As ações do Semais foram as primeiras voltadas para as melhorias do município. Em 10 de novembro de 2018 foi inaugurada a 1ª Etapa da nova Estação de Tratamento de Água, entregando a população água com excelência de qualidade e em volume suficiente para atender o município. A finalização da 2ª Etapa da nova Estação de Tratamento de Água permite que Canelinha inicie um novo capítulo em sua história de desenvolvimento. Neste momento, por conta do coronavírus, não é possível realizar a inauguração da obra aberta ao público. Mesmo assim, é importante que essas benfeitorias sejam oficialmente entregues à comunidade. Assim, a obra será entregue virtualmente, através de um vídeo nas redes sociais e no youtube da Prefeitura de Canelinha na próxima segunda-feira, dia 10.           Fonte prefeitura de Canelinha
SABER MAIS
07/08/2020
TJ suspende tramitação do processo de impeachment movido contra Moisés
 O Tribunal de Justiça de Santa Catarina (TJSC) determinou a suspensão da tramitação do processo de impeachment movido contra o governador do Estado, Carlos Moisés da Silva. A decisão é do desembargador Luiz Cézar Medeiros, em liminar concedida na noite desta quarta-feira (5/8), sob a fundamentação de que o ato deixou de prever a possibilidade de defesa e produção de provas na fase de admissão da denúncia apresentada. O pedido foi impetrado por meio de um mandado de segurança contra ato praticado pela Mesa da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), que diz respeito ao procedimento de admissibilidade de denúncia por crime de responsabilidade. Em síntese, a defesa do governador pleiteou pelo exercício de defesa na fase de admissão ou não da denúncia pelo Plenário do Legislativo, pois o desfecho do feito poderá afastá-lo imediatamente do cargo. Sustentou ter ocorrido flagrante "inconstitucionalidade e ilegalidade" no rito do processo, sob o entendimento de que foi suprimida a fase instrutória, bem como a deliberação plenária acerca da procedência ou não da acusação. Conforme manifestou a defesa, se o rito adotado pela Alesc tiver sequência sequer será oportunizado ao governador apresentar defesa (contestação) e solicitar a realização de provas (como a oitiva de testemunhas), pois na primeira fase a autoridade apenas apresenta informações. Ao analisar o caso, o desembargador Luiz Cézar Medeiros anotou que o exercício de defesa e contraditório está previsto na Constituição, sendo garantia para os processos judiciais e administrativos, incluindo o impeachment, que possui característica político-judicial. Também observou que a Lei Federal n. 1.079/50, que regulamenta o procedimento em nível federal, "inegavelmente prevê o exercício de defesa e instrução probatória na fase de admissão da denúncia". Em seu artigo 76, destacou Medeiros, o texto expressamente menciona a possibilidade de produção de prova testemunhal ao determinar que o rol deverá ser apresentado por ocasião do oferecimento da peça acusatória e de defesa, em atendimento ao princípio da isonomia. "Ao abordar o tema, o Supremo Tribunal Federal reiteradamente tem se manifestado no sentido da inconstitucionalidade de normativas estaduais que suprimem ritos ou etapas do procedimento de apuração da prática de crime de responsabilidade pelos Governadores", escreveu o desembargador. Segundo apontado na decisão, o ato contestado suprime as fases referentes ao exercício da ampla defesa e contraditório, não prevendo a possibilidade de apresentação de contestação e produção de provas para corroborar os argumentos defensivos, "o que constitui fortes indícios de ilegalidade". A suspensão da tramitação do processo de impeachment deve vigorar até o julgamento final do mandado de segurança.       Fonte :Visor Notícias
SABER MAIS

Peça sua Música

Por favor preencha todos os campos

Contato enviado com sucesso

Top