home notícias

Polícia cumpre mandado de busca e apreensão no Centro de Tijucas

Nesta terça-feira (21) a Polícia Militar cumpriu um mandado de busca e apreensão no Centro de Tijucas. Um adolescente de 16 anos, foi apreendido por ato análogo a tráfico de drogas.

De acordo com informações da PM, a guarnição estava em rondas pela rua Alvinas Simas Reis, quando avistou o masculino em atitude suspeita e realizou a abordagem. Em consulta ao sistema foi constatado o mandado em desfavor do menor.

Diante dos fatos ele foi conduzido a Delegacia de Polícia para os procedimentos cabíveis.

 

 

 

 

Fonte GM

OUTRAS NOTÍCIAS

29/09/2020
Homem perde a vida em acidente de trabalho em Canelinha
Na tarde desta segunda-feira 28 um homem perdeu a vida após um grave acidente de trabalho, segundo informações homem caiu de uma altura de aproximadamente 15 metros. Segundo o relatório do corpo de bombeiros, em deslocamento até o acidente, a guarnição do Auto Socorro de Urgência-301, encontrou funcionários da empresa na SC-410, sinalizando e orientando para o melhor caminho até o galpão em que o aconteceu o fato. Chegando no local, a guarnição adentrou com a viatura no interior da empresa e foi orientada pelo responsável até o local da queda. A vítima foi encontrada em decúbito dorsal, inconsciente, apresentando fratura exposta do crânio e exposição de massa encefálica, sendo constatado após avaliação, a ausência de sinais vitais. Posterior a análise, foi realizado o isolamento do local com fita zebrada.   Testemunhas informaram que um grupo de três pessoas realizavam o conserto e manutenção das telhas do galpão, danificadas devido aos fortes ventos na data anterior, com o auxílio de todos os dispositivos de ancoragem e segurança, no entanto, o acidentado ao realizar a limpeza de uma área distante, se desconectou do cabo de segurança, e ao deslocar sobre o telhado, a peça colapsou com o peso da vítima, projetando-o ao solo, a uma altura de aproximadamente 15 metros. A guarnição do Auto Socorro de Urgência-301 realizou o atendimento a vítima e solicitou à Central que fosse acionado o Instituto Geral de Perícias. Não havendo a necessidade de condução e posterior atendimento à ela, o responsável pela empresa foi orientado a aguardar a chegada do Instituto Geral de Perícias.     Fonte: Olho Vivo Can
SABER MAIS

Peça sua Música

Por favor preencha todos os campos

Contato enviado com sucesso

Top